Novo personagem de Carioca no Pânico é imitação de Edir Macedo

Do UOL, em São Paulo

  • Reprodução/Band

    17.fev.2013 - Márvio Lúcio, o Carioca, estreia personagem que satiriza Edir Macedo no "Pânico na Band"

    17.fev.2013 - Márvio Lúcio, o Carioca, estreia personagem que satiriza Edir Macedo no "Pânico na Band"

Depois de encerrar sua imitação do âncora da Band Bóris Casoy, o humorista Márvio Lúcio, o Carioca, estreou seu novo personagem no programa. O quadro "A Turma do Didi Maiscedo" mostra uma paródia do bispo fundador da Igreja Universal do Reino de Deus.

Utilizando um cenário semelhante ao do programa evangélico "Fala que Eu te Escuto", Didi Maiscedo recebe diversos convidados, entre eles o próprio Satanás, uma caracterização de Eduardo Sterblitch, o Freddie Mercury Prateado.

O personagem, parcialmente careca, exigiria uma caracterização especial, com a aplicação de uma máscara de látex sobre os seus cabelos. Carioca, porém, decidiu não usar este recurso, e optou por raspar a cabeça.

Ele procurou o UOL para revelar alguns detalhes da surpresa e se propôs a cortar o cabelo durante a entrevista feita em vídeo (assista logo abaixo).

Com a ajuda do maquiador Dinho, Carioca foi deixando os cabelos no estúdio, enquanto dava algumas dicas sobre a sua nova criação. Na ocasião ele não revelou o nome de quem pretende imitar.

 

Na entrevista, Carioca também comentou a queda da audiência do "Pânico", explicou porque o programa perdeu pique no segundo semestre de 2012 e falou do seu método de trabalho. Além de Edir Macedo, quem também ganhou uma imitação no programa foi a Regina Casé e seu programa dominical, o "Esquenta".

Silvio Santos

Apesar de uma liminar ter proibido o humorista Wellington Muniz de imitar o apresentador Silvio Santos, o programa reestreou neste domingo com todos os humoristas do programa vestidos como o "homem do baú".

A liminar pedida pelo dono do SBT, entrou em vigor em junho e foi proferida pelo desembargador Vito Guglielmi, do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo.

Segundo a decisão, os integrantes estão proibidos de imitá-lo e devem manter uma distância de no mínimo 100 metros do apresentador. Um aborrecimento com uma dublagem de Silvio Santos feita no "Pânico" teria sido o motivo da ação.

A ordem se estende a toda Band e a multa diária de seu descumprimento é de R$ 100 mil.

Notícias relacionadas

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos