! Entrada de nova dupla parece mais punição do que surpresa - Crítica do BBB, por Mauricio Stycer - UOL BBB11
  • http://televisao.uol.com.br/bbb/bbb11/critica/mauricio-stycer/2011/01/31/entrada-de-nova-dupla-parece-mais-punicao-do-que-surpresa.htm
  • Entrada de nova dupla parece mais punição do que surpresa
  • 27/05/2022
  • UOL Televisão - Reality
  • UOL BBB11
  • @UOLTelevisao #UOL #BBB11
  • 123
Tamanho da letra
31/01/2011 - 08h02

Entrada de nova dupla parece mais punição do que surpresa

MAURICIO STYCER
Crítico do UOL
  • Sem mais explicações, os novos participantes, Adriana e Wesley, chegaram no final da noite de domingo, depois da eliminação de Michelly e Rodrigo

    Sem mais explicações, os novos participantes, Adriana e Wesley, chegaram no final da noite de domingo, depois da eliminação de Michelly e Rodrigo

Vinte dias depois do início do BBB11, talvez o mais sem graça e sem rumo até hoje, o diretor Boninho foi obrigado a pisar no acelerador na tentativa de reinventar o programa. Quem assistiu o reality nos últimos dias teve a sensação de que ele recomeçou do zero.

De surpresa, o diretor convocou um paredão duplo na sexta-feira, entupiu os participantes de vodca e energético no sábado e introduziu dois novos jogadores na casa no domingo.

De quebra, foi obrigado a chamar médicos para socorrer duas candidatas, uma em coma alcoólico, na madrugada de domingo, outra com convulsão, no final da manhã.

No domingo à noite, sem maiores explicações, o programa exibiu, numa sequência vertiginosa, a eliminação de um casal, Michelly e Rodrigo, a prova para escolher um novo líder, a votação para formar um novo paredão e, quando parecia impossível ainda ocorrer algo, aos 44 minutos do segundo tempo, a entrada de Adriana e Wesley na casa.

Nos inúmeros recados em forma de discursos de Pedro Bial e na febril atividade do diretor no Twitter, nestes 20 dias, ficou clara a decepção de ambos com a performance dos candidatos escolhidos para o BBB11.

“O castigo é para todo mundo”, observou Jaqueline, no sábado, comentando a punição a que Michelly e Janaína foram submetidas – bater tampas de panela – durante toda a madrugada anterior.

Castigo? Punição? Será possível pensar que a chegada de dois novos participantes tem mais a ver com a frustração provocada pela turma inicial do que com o desejo de surpreender?  

Nem todo mundo pode ter se dado conta da aceleração do ritmo. Mas, por mais distraído que sejam os espectadores, não deve ter escapado a ninguém que a nova dupla tem perfil muito semelhante à que acaba de ser eliminada. O que podem acrescentar uma mulher bonita e um médico musculoso ao rol já confinado?

Para piorar, Boninho está trabalhando monitorado pelo Ministério Público, sob pressão, obrigado a controlar o nível de baixaria do programa.  

Na madrugada de domingo, animado com os efeitos do coquetel alcoólico que ofereceu aos candidatos, escreveu: “Vão me dar trabalho pra editar, mas quer saber... Foda-se a censura!”

Mais uma bravata. De fato, quem não assistiu a festa no “pay per view” não teve a chance de ver, na edição de domingo, o DJ e apresentador André Marques levar a mão de Natalia a seu órgão genital ou retribuir o gesto com o seu próprio dedo. Também não viu Michelly, bêbada, desmaiar e ser socorrida por médicos. Ou Rodrigão, também entupido de bebida, chorar e vomitar.

Censura? Sorte de quem não viu...

$import.read("http://tcinclude.sys.intranet/_template/web/barra-uol/barra-uol.htm")