UOL Entretenimento Televisão

20/11/2008 - 00h13

Sem chorar, Lorena Chaves é eliminada de "Ídolos", e jurados aprovam decisão

Da Redação
Depois de receber apenas críticas negativas na noite do samba, e ser indicada pelos jurados em todas as apresentações, a mineira Lorena Chaves acabou sendo eliminada de "Ídolos" na noite desta quarta (19). O resultado condiz com o resultado da enquete UOL: 34,6% dos internautas votaram pela eliminação de Lorena.

  • Participe do bate-papo com Lorena nesta sexta, às 15h

    Antonio Chahestian/ TV Record
    Lorena Chaves cantou o clássico "Trem das Onze" na noite do samba


    Com as indicações dos jurados e repetidas visitas à "zona de perigo", Lorena não pareceu surpresa com a eliminação. Ao contrário dos demais eliminados do programa, a mineira não chorou. Agradeceu aos jurados pelas críticas ("Vou levar no meu coração. Vou voltar e vou fazer aula de canto", riu) e fez graça, pedindo o telefone do apresentador Rodrigo Faro.

    Lorena foi acompanhada na zona de perigo por Nanda Garcia e Paulo Cremona. Faro destacou que a presença de Cremona, considerado um candidato forte, mostra a fragilidade do favoritismo: "O fato de o Paulo estar sentado ali significa que o Brasil ainda não escolheu o seu ídolo", disse.

    Mas Cremona foi o mais votado dos três, e logo a zona de perigo passou a ser habitada apenas pelas duas "veteranas" da posição, Nanda e Lorena. Perguntados se era um resultado justo, os jurados foram unânimes em dizer que sim. "A Lorena não foi bem, e a Nanda, apesar de ter ido bem (...) esteve abaixo dos outros candidatos. É plenamente justo", disse Luiz Calainho. Nanda foi mais votada, e Lorena deixou o programa.
  • Compartilhe:

      Hospedagem: UOL Host