Rede de TV Al-Jazeera volta a transmitir do Iraque

DOHA (Reuters) - Correspondentes da rede de TV via satélite Al-Jazeera, baseada no Catar, voltaram a transmitir notícias do Iraque nesta sexta-feira (4) depois que Bagdá suspendeu sanções a dois jornalistas da emissora.

"A Al-Jazeera agradece a ação do Ministério da Informação iraquiano de reverter sua decisão e imediatamente retoma as atividades de seus correspondentes em Bagdá, Basra e Mosul", afirmou a rede de língua árabe.

A emissora, que vem sendo criticada pelos Estados Unidos e pela Grã-Bretanha por sua suposta cobertura pró-Iraque, disse na terça-feira (1º) que o país de Saddam Hussein tinha ordenado que um de seus repórteres deixasse o país e que um outro parasse de trabalhar.

As autoridades iraquianas não tinham informado as razões das decisões.

A Al-Jazeera reagiu à sanção orientando todos os seus oito correspondentes no Iraque a pararem de fazer reportagens, mas a continuar transmitindo eventos ao vivo e gravados, incluindo as conferências de imprensa das autoridades iraquianas e os bombardeios aéreos.

A emissora, que é amplamente assistida pela comunidade árabe, é a única rede internacional com repórteres na cidade de Mosul, no norte, e de Basra, no sul do país.


UOL Cursos Online

Todos os cursos