Ator do "Teste de Fidelidade", Oliver descarta retorno ao programa

Thais Carvalho
Do UOL, em São Paulo

  • Divulgação

    Oliver era a grande atração do "Teste de Fidelidade"

    Oliver era a grande atração do "Teste de Fidelidade"

O programa "Teste de Fidelidade", da RedeTV, voltou a ser exibido no último sábado (2) pelo apresentador João Kleber e o assunto ficou entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil. E um dos pedidos dos fãs da atração na rede social foi a volta do ator Marcos Oliver, que ficou conhecido em 2003 pela atuação no quadro.

Para a tristeza dos fãs, em entrevista ao UOL Oliver descartou voltar ao programa porque, segundo ele, sua cara ficou marcada.

"Vi que muitas pessoas ficaram com essa expectativa de me ver de volta, mas não vai acontecer. Fiquei muito marcado e não voltaria como ator, até porque as pessoas me reconheceriam", disse.

OIto anos depois, o ator de 36 anos está casado, com um filho de 4 anos e este também seria um dos motivos para não voltar a fazer esse tipo de trabalho.

"Mesmo se tivesse rolado um convite, eu não voltaria. Sou casado, tenho um filho pequeno e não está nos meus planos", explicou.

Sobre o retorno do programa, Oliver acredita que tem tudo para fazer o mesmo sucesso de antes.

  • João Klé no novo cenário do "Teste de Fidelidade"

"Eu assisti e acho que tem tudo para dar certo. Pelo que eu sei, o João Kleber ainda está em fase de testes com os atores e no sábado achei uma delas muito legal, a segunda. E a primeira achei bem fraca, porque nesse tipo de programa a pessoa tem que ser bem realista, incorporar o personagem para ninguém perceber, e tem que convencer mesmo", pontuou.

Há 15 anos na carreira artística, ele credita o reconhecimento do público ao programa da RedeTV, mesmo já tendo feito participações em atrações como "Sai de Baixo" e "Sandy e Junior", da Globo, e "Pícara Sonhadora", do SBT.

Atualmente, Oliver está empenhado em fazer testes para novelas e revelou-se surpreso com a especulação de seu nome para a próxima edição do reality "A Fazenda", da Record.

"Seria um sonho participar e tenho muita vontade. Vi nas redes sociais muitas pessoas falando que eu seria um dos nomes, mas não aconteceu nenhum convite", falou.

O ator também já escreveu o livro "Diário de um sedutor" que dá dicas de sedução e táticas de conquista baseadas no trabalho que fez no programa. A obra ainda não foi publicada e ele acredita que o retorno do "Teste" ao ar pode ajudar a aguçar o interesse de editoras.

"Estou esperando alguma editora me procurar. Muita gente quer me ver na TV e o livro é uma oportunidade dessas pessoas poderem estar mais perto", declarou ele que mesmo depois de tantos anos ainda tem uma relação de amigo com João Kléber. "Não nos vemos muito, mas nos falamos frequentemente pelo telefone e pelas redes sociais", finalizou.

No retorno ao ar, o "Teste de Fidelidade" alcançou 2,1 de média no Ibope.

Notícias relacionadas

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos