Nenhuma emissora se interessa em acertar com a Warner

Flávio Ricco

Flávio Ricco

Colunista do UOL

Não renovar com a Warner, depois de tantos anos de contrato, particularmente para o dono do SBT, Silvio Santos, deve ser uma coisa bastante penosa.

Não existe nada que o divirta mais do que escolher os filmes incluídos no pacote daquela distribuidora. E ele não terá mais direito a esta brincadeira a partir de janeiro.

Nenhuma outra grande rede de televisão, entenda-se Globo ou Record, até agora sinalizou interesse em se tornar a próxima ou nova parceira da Warner.

O problema é que esse negócio de filme na TV aberta do Brasil deixou de ser um bom negócio. Em troca de poucas produções que realmente valem alguma coisa, os "blockbusters", o interessado se vê obrigado a engolir outras tantas que nunca serão exibidas.

 

*Colaboração de José Carlos Nery

 

Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. Email: colunaflavioricco@uol.com.br.

UOL Cursos Online

Todos os cursos