Ratinho recebe mais do SBT que o dono Silvio Santos

Flávio Ricco

Flávio Ricco

Colunista do UOL Leia todos os artigos
  • UOL

    Ratinho tem uma retirada anual superior à do próprio dono do SBT, Silvio Santos

    Ratinho tem uma retirada anual superior à do próprio dono do SBT, Silvio Santos

Já de algum tempo, o SBT adotou uma nova política salarial, limitando os vencimentos dos seus diretores de programas e apresentadores.

Mas como toda e qualquer regra, também para esta existem as exceções de praxe, que atendem pelos nomes de Ratinho e Eliana. Ele, numa situação diferente, hoje tem um contrato de sociedade. Tiradas as despesas com a produção e pessoal, o restante é dividido em partes iguais pelos dois lados e o que inicialmente parecia um risco para o terceirizado, no seu caso se tornou algo extremamente vantajoso. Informações de bastidores dão conta que o Ratinho tem uma retirada anual superior a do próprio dono, Silvio Santos.

A condição da Eliana é outra. Ela foi contratada em 2009, num chumbo trocado com a Record, que na mesma ocasião tirou Gugu Liberato do SBT. No papel assinado, o seu salário é de um pouco mais de R$ 1 milhão, compromisso que termina agora, no começo deste ano. A renovação, evidentemente, não deve acontecer pelos mesmos valores, até porque os seus resultados de audiência nunca foram tão bons como os atuais. São situações extremamente interessantes.

Volta ao passado

Ainda não é uma coisa certa, mas já existe forte movimento nos bastidores, que pode culminar com a volta de antigas panicats ao programa. Esta seria uma das surpresas da nova temporada do “Pânico” na Band. E por aí se entendam os retornos de Dani Bolina, Nicole Bahls e Lizzi Benites, entre outras.

  • Carlos Padeiro/UOL

    Sabrina Sato com as ex-Panicats Dani Bolina, Juju Salimeni e Nicole Bahls

Novos negócios - 1

A diretora Marlene Mattos, no início do mês, passou a coordenar o departamento de novos negócios da Rinaldi Produções, dona da marca “Patati Patatá”. E já são muitos os projetos em andamento. Por exemplo: até junho, possivelmente em parceria com o empresário Diler Trindade, será rodado o primeiro filme da dupla de palhaços.

Novos negócios – 2

Também, via Marlene Mattos, existe uma negociação em curso para o lançamento de um parque temático do “Patati Patatá” em um shopping do Rio e outro de São Paulo, assim como uma casa de festas e um buffet. Quanto ao programa no SBT, a diretora não pode assumir esse compromisso, uma vez que não tem disponibilidade para ficar em São Paulo durante toda a semana.

  • Roberto Filho/AgNews

    O ator José Wilker


“Oscar”

Depois de “Gabriela”, o “Oscar”, dia 24 de fevereiro, será o próximo compromisso de José Wilker na Globo. O entusiasmo é o mesmo de todos os anos. Os indicados, segundo Wilker, são muito bons, embora como muitos ele também lamente a ausência do diretor Quentin Tarantino.

Explica isso

O SBT está anunciando um reality que promete encontrar novos craques para os grandes clubes paulistas. Até aí, beleza. O funcionamento é que tem alguma coisa de esquisito. O programa não será apresentado pela cabeça de rede, em São Paulo, mas apenas nas emissoras regionais. Não é estranho? Qual o interesse?

Incerta

Quando todos esperavam pela sua chegada apenas nesta terça-feira, o responsável pelo artístico da Band, Diego Guebel, desembarcou ontem em São Paulo. Entre o que ele pretende anunciar nos próximos dias, está a ampliação da cobertura do carnaval. Além de Recife e Salvador, também serão distribuídas equipes em Vitória e João Pessoa.

  • Divulgação/TV Record

    Cena da série "Fora de Controle", da Record, que não terá segunda temporada

Fim de linha

Os atores que participaram do primeiro “Fora de Controle”, realizado pela Record e Gullane, foram comunicados que não haverá a segunda temporada da série. Como explicação para a sua interrupção, ouviram que a emissora pretende apostar em produtos bem mais populares.

Utilidade pública

Durante a cobertura do Motocross, no "Esporte Espetacular", domingo, no GC --também conhecido como gerador de caracteres-- apareceu Boa Vista como capital de Rondônia. A repórter Carol Barcellos, identificando o erro, ao vivo e no ar, disfarçadamente deu o toque do correto, que é a capital de Roraima. Ponto para ela. Alguém, com toda certeza, faltou bem nessa aula.

Quase uma igreja

A programação evangélica já corresponde praticamente a metade da grade da Rede TV!. Durante a semana, entre segunda e quinta-feira, já chega a 12 das 24 horas disponíveis. Só a Igreja Universal mantém 4 horas e meia. Não será por falta de reza, controvérsias à parte, que a emissora não irá se recuperar.

Se meteu nisso

  • Rede Globo/ Divulgação

    O detetive Barros ( Marcello Airoldi) e a escrivã Jô (Thammy Miranda) fazem parte da equipe da delegada Helô (Giovanna Antonelli) em "Salve Jorge"


Com direito a imagens de “Salve Jorge” e “O Canto da Sereia”, a Record, no último “Domingo Espetacular”, dedicou boa parte do programa à polêmica que envolve a Globo e figuras da ala evangélica – algumas, aliás, com a clara intenção de tentar uma luz em cima. Sem sucesso, foram feitas inclusive tentativas de entrevista com Glória Perez e Walcyr Carrasco.

Cabem as perguntas

Algo que ninguém até hoje entende é o que a Record ganha com esses ataques sistemáticos à Globo, que nunca deram em coisa nenhuma.

Não seria melhor usar esse tempo para divulgar os seus próprios produtos? Ou será que tal interesse não existe?

Bate – Rebate

•       Sabrina Sato, do “Pânico”, ficou de sexta-feira até domingo no Rio, envolvida nas filmagens de “Concurso Público” e cumprindo agenda do carnaval.
•       Pelo segundo domingo consecutivo, o “Tudo a Ver”, da Record, com custo zero, ganhou do SBT na faixa da tarde.
•       Segundo se comenta na Record - Rio, o novo programa de Luiz Bacci irá abordar temas gerais e não apenas assuntos policiais.
•       Mas ainda não se sabe, por exemplo, em qual faixa de horário será colocado e se o Bacci terá a companhia de alguém na apresentação.
•       Com a ida de Rogério Forcolen para o “Cidade Alerta”, da Record, no Rio, Isabele Benito assumiu o comando do jornalístico “SBT Rio”.
•       A advogada Regina Mansur estará no “Mulheres Ricas”, da Band, a partir do dia 21.
•       No próximo dia 25, coincidindo com o aniversário de São Paulo, a rádio Capital vai completar 35 anos. A direção-geral é de Francisco Paes de Barros.
•       Durante a produção de uma reportagem sobre a Feira de Eletrônicos, em Las Vegas, o correspondente da Globo, Jorge Pontual, sofreu uma torção violenta no pé.
•       Está entregue aos cuidados do departamento médico, submetendo-se a sessões de fisioterapia, mas sem interromper a sua agenda de trabalhos.
•       Alguns entenderam como brincadeira, mas, Carlos Machado, confirmado no filme do “Crô”, disse que está escrevendo um livro sobre as vantagens e desvantagens de ser alto.
•        Nesta terça-feira (15), o SBT comemora a marca de 10 mil boletins jornalísticos produzidos. O primeiro foi ao ar no dia 28 de novembro de 2011.
•       “Além de atualizar as notícias e "chamar" os telejornais, o boletim reforça a imagem do SBT como emissora ágil, dotada de um jornalismo presente e atuante", declara o diretor Marcelo Parada.

C'est fini

A direção da Band, apesar da semelhança, decidiu manter os títulos dos novos programas da Adriane Galisteu e José Luiz Datena. Primeiro ela irá estrear "Quem Quer Casar com o Meu Filho?" e depois ele passará a apresentar "Quem Quer Ser um Milionário?". Como os dois planos estão na rua, as possibilidades de mudança já não existem. Vai assim mesmo e pronto.

Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

* (Colaboração de José Carlos Nery)

Flávio Ricco

Jornalista, passou por algumas das mais importantes empresas de comunicação do país, como Tupi, Globo, Record e SBT. Dirigiu o "Programa Ferreira Netto" e integrou a equipe do "SBT Repórter". Escreve sobre televisão desde 2003. Email: colunaflavioricco@uol.com.br.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos