!
11/11/2011 - 06h11

Equipe Vanguarda perde pela primeira vez e Bryan é demitido de "O Aprendiz 8"


Da Redação
  • O engenheiro de alimentos Bryan Ioneda desabafa após ser demitido de "O Aprendiz 8"

    O engenheiro de alimentos Bryan Ioneda desabafa após ser demitido de "O Aprendiz 8"

O engenheiro de alimentos Bryan Ioneda, de 25 anos, foi demitido do reality show "O Aprendiz 8" nesta quinta-feira (10). Designado para ser o líder da equipe Vanguarda na quarta tarefa, ele foi responsabilizado pela primeira derrota do grupo  na competição. Seu desempenho na liderança foi classificado como "fraco" por João Dória Jr.

Bryan é o terceiro participante "líder" a deixar o programa. Os concorrentes Washington e Alexandre, eliminados nos episódios anteriores, também estavam no comando e, por isso, foram demitidos pelo apresentador.

 

Com 15 participantes disputando o prêmio de R$ 1,5 milhão, Dória Jr, precisou redividir as equipes. Ao anunciar a tarefa, ele pediu que um integrante da vanguarda fosse transferido para o grupo Vetor. Fernanda foi escolhida pelo líder Bryan, mas o apresentador surpreendeu a todos e barrou a decisão. Em Seguida, Diego Morais foi designado por Dória Jr. para mudar de time.

Prova

Na quarta tarefa, os aprendizes foram incumbidos de montar nove ações para promover um carro popular entre o público jovem. Além disso, os particpantes produziram, dirigiram e editaram um vídeo sobre o automóvel.

Sob a liderança de Bryan, a equipe Vanguarda, que havia vencido os dois primeiros desafios do programa com certa vantagem sobre a Vetor, sofreu os primeiros abalos. O publicitário Rogério Côrrea e a advogada Daniely Zanoty chegaram a discutir, causando preocupação entre os demais membros.

Ao anunciar a vitória do grupo Vetor, João Dória Jr. fez questão de ressaltar que a prova havia sido equilibrada e que ambas as equipes falharam ao usarem apenas um automóvel nas ações. Segundo ele, outro carro poderia ter sido solicitado.

Sala de reunião

Convidado a apontar o maior responsável pela derrota da equipe, Bryan sugeriu Rogério como culpado, desencadeando uma discussão geral entre os participantes. No momento mais crítico da deliberação, Rogério acusou Bryan de defender Bianca alegando que os dois estudaram na mesma faculdade. João Dória Jr. preferiu chamar atenção para o silêncio da concorrente, chamando-a de "omissa".

Para a segunda etapa da sala, Bianca, Bryan, Rogério e Daniely foram convocados. Os conselheiros Claudio Forner e Carla Pernambuco queriam a demissão de Bianca, mas João Dória Jr. voltou-se para o líder.

Intimado a se defender, Bryan não conseguiu ser claro e foi interrompido pelo apresentador enquanto falava. "Bryan, você não vai liderar mais nada, porque a partir de agora você está demitido. Quando você recebe a missão de liderar, você deve liderar. Faltou humildade para você".

Ao deixar o programa, Bryan desabafou: "No meu ponto de vista, quem deveria estar aqui é o Rogério, porque ele atrapalha muito o andamento do trabalho, sempre atrapalhou".

Veja mais