Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://televisao.uol.com.br/album/2013/12/17/top-10---os-melhores-de-2013-na-tv.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20131217050000
    • Silvio Santos [15139]; Ivete Sangalo [2267];
    • O Canto da Sereia [64080]; Pecado Mortal [72622]; Sangue Bom [64677]; Pé na Cova [62950]; Profissão Repórter [33849]; A Liga [29509]; Na Moral [62082]; O Aprendiz [23089];
    • Retrospectiva 2013 de UOL Entretenimento [73504];
Fotos
O CANTO DA SEREIA: História policial atraente, ambientada numa Salvador contemporânea, com personagens de ficção levemente calcados em figuras conhecidas do mundo real, a série em quatro episódios, com Isis Valverde no papel principal, chamou a atenção. Não por acaso, dois dos principais responsáveis pelo projeto, o diretor José Luiz Villamarim e o roteirista George Moura, assinam, em 2014, a série "Amores Roubados" e, possivelmente, o remake da novela "O Rebu", na Globo. TV Globo/Divulgação Mais
ÚLTIMO PROGRAMA DO MUNDO: "Um talk-show histérico esquizofrênico que muda de rumo o tempo todo. Tudo com direito a acesso aos arquivos mais vergonhosos de uma MTV em chamas". Assim anunciada, a criação de Daniel Furlan e Juliano Enrico tentou entender o que deu errado com a emissora, fechada meses depois, e compartilhou com o seu pequeno público uma dúvida: por que não há lugar para algo que vá além dos clichês e da obviedade na televisão brasileira? Divulgação Mais
PECADO MORTAL: Carlos Lombardi estreou na Record com uma trama ambientada no Rio de Janeiro dos anos 70. A história gira em torno de duas famílias de bicheiros, no momento em que o tráfico de drogas começa a ocupar o seu lugar nos morros cariocas. Foi, talvez, a melhor novela do ano. Texto de qualidade, boa direção, grandes atores e muita ação. Nos seus primeiros três meses no ar, no entanto, não foi capaz de levantar a audiência no horário. Divulgação/Record Mais
IVETE E SILVIO NO TELETON: Juntos por quase duas horas no palco, o apresentador e a cantora deram um show de humor, improviso e diversão durante o programa beneficente do SBT. Ivete tirou Silvio para dançar, ajudou a segurar as cartolinas que o apresentador lê e ainda se convidou, depois de ser elogiada: "Ah, muito obrigada! E se você quiser me dar um programa, estamos aí.'' Seria uma ótima ideia. Reprodução/Instagram Mais
SANGUE BOM: Principal acerto da Globo na área de novelas, em 2013, a trama de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari refletiu sobre um tema muito contemporâneo: o papel da mídia na criação de modas, na invenção de celebridades e na manipulação do público. Convencional, mas com ótimo texto, a história principal também produziu encanto, ao falar dos encontros e desencontros de seis jovens e da vida comunitária em um pequeno bairro de São Paulo. Divulgação/TV Globo Mais
MENINA SEM QUALIDADES: Dirigida pelo dramaturgo Felipe Hirsch, a série de 12 episódios se distanciou do padrão imposto pela TV americana (e copiado aqui), e apostou numa narrativa sem sobressaltos, lenta até, com poucos diálogos e momentos de contemplação. Bianca Comparato, vivendo Ana, uma estudante de 16 anos, foi um dos destaques deste bom programa que a MTV Brasil exibiu poucos meses antes de sair do ar. Divulgação/MTV Mais
PÉ NA COVA: Um dos programas mais originais e intrigantes que a Globo colocou no ar em 2013, teve uma primeira temporada entre janeiro e junho e voltou ao ar em outubro. Criação de Miguel Falabella, o seriado apresenta situações cômicas ou dramáticas vividas por tipos esquisitos, exagerados, que gravitam em torno de uma funerária no bairro do Irajá, zona norte do Rio. "Não é o mundo que eu desejei, o mundo que eu sonhei, mas é o mundo que eu tenho. A família é o último refugio neste mundo cada vez mais sem coração", diz o protagonista. Divulgação/TV Globo Mais
VELHOS PROGRAMAS, NOVO FÔLEGO: Duas atrações já veteranas mostraram estar em forma e com pique. "A Liga", na Band, estreou sua quarta temporada com um estouro de audiência (sobre o funk ostentação), reincorporou Rafinha Bastos ao elenco e explorou bons temas, como tráfico de drogas, pessoas de "vida dupla" e o sistema de saúde do pais. O mesmo vale para o "Profissão Repórter", na Globo, com seu olhar original sobre temas da pauta cotidiana. O programa sobre a morte de jovens na periferia de São Paulo foi um dos mais fortes do ano. Divulgação Mais
NA MORAL: Sem solucionar um problema crônico, o de querer discutir temas sérios e importantes em muito pouco tempo, o programa apresentado por Pedro Bial ganhou uma segunda temporada e causou barulho, em especial ao discutir, de forma aberta e corajosa, a legalização do aborto. "Ser a favor da legalização do aborto não significa ser a favor do aborto", defendeu Bial. Divulgação/TV Globo Mais
APRENDIZ: Ficar fora do ar por um ano fez bem ao reality show da Record. Com Roberto Justus de volta ao comando, e ex-participantes formando o elenco, a nona edição foi das mais divertidas, repleta de incidentes curiosos e demissões antológicas. Prejudicado, talvez, pelo horário tardio, o programa não foi bem de audiência. Ainda assim, a Record anuncia para 2014 uma boa promessa de diversão: "Aprendiz" com celebridades. Cláudio Augusto/Photo Rio News Mais

Top 10 - Os melhores de 2013 na TV

Mais álbuns de TV e Novelas x

Últimos álbuns de Televisão

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos